Conselho Recursos

Newsletter dicembre 2012

Você está recebendo este boletim porque é o Delegado, ou o ponto de referência, da Comunicação Social 
Você tem algum problema lendo este correio eletrónico?Examine-o em seu browser..

SSCS

Boletim n. 39,  de decembro de 2012

Nativity

Caríssimos Irmãos e amigos da CS,
O Departamento de Comunicação deseja-lhe um Feliz Natal com as palavras do Papa Bento XVI°: “ Antes, os homens tinham falado e criado imagens humanas de Deus, das mais variadas formas; o próprio Deus falara de diversos modos aos homens (cf. Heb 1, 1). Agora, porém, aconteceu algo mais: Ele manifestou-Se, mostrou-Se, saiu da luz inacessível em que habita. Ele, em pessoa, veio para o meio de nós. Na Igreja antiga, esta era a grande alegria do Natal: Deus manifestou-Se. Já não é apenas uma ideia, nem algo que se há-de intuir a partir das palavras. Ele «manifestou-Se». Mas agora perguntamo-nos: Como Se manifestou? Ele verdadeiramente quem é? «Manifestaram-se a bondade de Deus (…) e o seu amor pelos homens» (Tt 3, 4). Para os homens do tempo pré-cristão – que, vendo os horrores e as contradições do mundo, temiam que o próprio Deus não fosse totalmente bom, mas pudesse, sem dúvida, ser também cruel e arbitrário –, esta era uma verdadeira «epifania», a grande luz que se nos manifestou: Deus é pura bondade. Ainda hoje há pessoas que, não conseguindo reconhecer a Deus na fé, se interrogam se a Força última que segura e sustenta o mundo seja verdadeiramente boa, ou então se o mal não seja tão poderoso e primordial como o bem e a beleza que, por breves instantes luminosos, se nos deparam no nosso cosmos. «Manifestaram-se a bondade de Deus (…) e o seu amor pelos homens»: eis a certeza nova e consoladora que nos é dada no Natal.”
P. Filiberto González, Conselheiro para a comunicação social, Donato, Julian, Felipe, Mario, Bruno, Alessandro, Gian Francesco, Fabiana

Twitter

Hashtag #db2015 no twitter: “consolidar nossas mensagens para realmente trazer força para nossas postagens no twitter de hoje até 2015”.

Para aqueles que estão se perguntando o que é um “hash tag”, seria suficiente dizer que é só qualquer um enviar um “post” ou “tweet” (e para este assunto, poderia ser incluído em qualquer lugar, inclusive email) acrescentando nele #db2015 em qualquer lugar da mensagem.

Se todo mundo começar  a usar, isto pode se tornar “viral” e facilmente ‘buscado’. Qualquer um que queira saber mais do bicentenário apenas precisa fazer pesquisa com esta hash tag e encontrará qualquer que sejam as informações que alguem tenha inscrito sobre isto.