Conselho Recursos

Boletim informativo - outubro de 2011

 

Receba este boletim informativo porque você é um Delegado ou um ponto de referência para a Comunicação Social.
Existe algum problema ao ler este email? Vá para o seu navegador ..

SSCS
   
 

Boletim n. 27, outubro de 2011

 

Animação - Carta de d. Filiberto

threadsC irmãos ari, e amigos da CS, 

devem ser parabenizados: concluímos a apresentação do SSCS 2.0 nas oito Regiões da Congregação. A última apresentação e estudo do SSCS 2.0 foi caracterizada por duas notas específicas: uma breve apresentação aos Delegados de formação na África e Madagascar e uma apresentação igual aos Provinciais e Delegados de SC da Região reunidos na reunião anual do CIVAM. Podemos assim dizer que o Documento é conhecido por todos os Delegados do CS e que, em breve, será conhecido por todos os Provinciais e seus Conselhos, bem como pelos confrades de cada Província, a primeira etapa de nosso processo.
    O segundo passo, já iniciado em conjunto com o Departamento de Formação, será a aplicação das "diretrizes para a formação dos salesianos em comunicação social", parte dois do nosso documento, e nele ambos os Formadores e Delegados Provinciais de SC estão igualmente envolvidos. .
     O terceiro passo será buscar sinergias e uma melhor coordenação em favor da missão da Província com os Setores de Missão e Formação no início do ano de educação pastoral. Penso que estamos a dar os passos certos que devem ser apoiados, em primeiro lugar, pela constância na reflexão e aplicação do documento e, em segundo lugar. de uma espiritualidade profunda e crescente de cada Delegado. Estes são os primeiros passos, a base para criar uma nova mentalidade que em breve dará frutos.
     Convido-os a continuar com os compromissos assumidos após a reunião de cada Região. A todos, parabéns pelos resultados obtidos, e por diante! em nome de Dom Bosco e com a ajuda de Maria Auxiliadora.
    
D. Filiberto González, Conselheiro do SC                                                      

Informação: Como uma região enfrentou comunicações

KigaliPode ser interessante saber o que acontece quando os Provinciais, os Delegados de CS e o Departamento de CS trabalham em equipe! eis aqui um excerto da acta da reunião Xmo CIVAM (África-Madagáscar)
  1. A nível regional
    Um coordenador e vice-coordenador foram nomeados, assistidos por um inspector. Um plano de trabalho deve ser elaborado para colocar em prática tudo o que foi indicado durante este CIVAM. Uma Comissão não foi nomeada, mas poderia ser um caminho para o futuro. Normalmente, o coordenador fará parte da reunião anual da Comissão para a Pastoral Juvenil.
    O Regionale incluirá uma seção do CIVAM no site do AGORA: www.sdb.org
2. No nível da província
    1. Especial atenção será prestada à socialização do SSCS (Sistema Salesiano de Comunicação Social).
    2. Sinergia dos setores da Missão: os três delegados provinciais (Comunicação Social, Pastoral Juvenil e Formação) são convidados a trabalhar em sinergia, em particular reunindo-se início do ano pastoral. É da competência do inspetor nomear um coordenador desses três setores.
3. Ao nível do Delegado
    1. SSCS : O Delegado de Formação concorda com sua equipe para o estudo e aplicação do SSCS (Formação)
    2. Completar e atualizar os dados da província quando houver notícias (na página de dados do CS do site www.sdb.org)
    3.No início do ano educativo-pastoral, reunindo setores para criar sinergia e otimizar a coordenação em favor da Missão.
    4    A Revista "Salesianos" : passos concretos para a colaboração nos campos de artigos, tradução ... (divulgação?)
    5. O Dia Mundial Salesiano do CS para formadores e formandos (SDB) e (FMA): de 24 de janeiro com o consegan da Carta do Papa para o Dia Mundial da Igreja para o SC.
rnata 6. Informações atualizadas e treinamento Boletim mensal do Departamento de CS. 
 

Formação: da Carta ACG 411 do RM - para inculturar o carisma

dados vinculados

".... A tradição espiritual cristã clássica nos oferece uma outra imagem que pode ajudar neste contexto [Um continente, o digital, a subir]. Nós o encontramos no interior do Castelode Santa Teresa de Ávila, texto que em sua aplicação não conhece limites de tempo. "Comecei a pensar na alma como se fosse um castelo, feito com um único diamante ou com um único cristal muito claro", diz ela, e depois nos leva a sete "tarefas" ou salas, cada uma delas constituindo um lugar a caminho a união definitiva com Deus, que é colocada no centro do castelo. Pode ser outra imagem que ajuda você a se mover pelo continente digital. Nós pensamos no castelo como o continente digital, com muitos "quartos" e "conexões". Como encontramos o caminho para o centro? As várias salas estão conectadas de maneira significativa? É possível encontrar rotas para chegar ao destino? O centro ainda é Deus, é claro, e Cristo é o guia,
     Uma terceira imagem pode vir em nosso socorro: vamos pensar em um jardim, talvez bastante negligenciado, mas não sem caminhos e com um número infinito de vinhas e lianas. Nós poderíamos nos mover no jardim seguindo os caminhos ou usando cipós. Mas também podemos imaginar como as coisas vão para baixo, onde tudo se desenvolve em um ecossistema complexo, talvez confuso, mas eminentemente cheio de vida!
     Cada uma das três imagens - fermento, castelo, ecossistema - nos ajuda a compreender melhor o significado do que significa inculturar o carisma no continente digital. É uma das tarefas da Nova Evangelização. Em certo sentido, é uma tarefa oculta, mas com indicações que podemos seguir. Existe um guia real para o castelo virtual se ajudarmos a tecnologia a servir a missão. E somos convidados a entrar no ecossistema complexo, talvez desordenado, cheio de vida, conscientes de que Jesus quer que estejamos em seu nome!                                               P. Chávez
  contínuo

Produção: dados que só pedem para serem conectados!

dadosN ell'edizione de setembro deste boletim, foi indicado que vamos oferecer alguma indicação concreta sobre o 'Linked Data'. Ele foi um ponto de referência para dois meses de trabalho em www.sdb.org. Nós fizemos o nosso melhor. Agora os dados devem estar vinculados a outros dados de outros sites salesianos.
    Primeiro, olhe para esses links

(1) Dados Estatísticos: obras

(2)  Regiões   (você pode escolher sua região).
    Dois fatores importantes estão envolvidos: no primeiro exemplo há um link para o vocabulário - 'vocabulário: sdbstats'. Este vocabulário está no centro da produção de dados vinculados.
    O outro fator é que todos os dados pertencem a um único banco de dados. Se os dados do livro impresso, os dados estatísticos ou o FLASH anual forem bem atendidos, essas estatísticas também serão precisas!
    Os rótulos (tags) na visão html (fonte) dessas páginas revelam outro fator - eles se referem ao 'vocabulário: sdbstats'. Isso significa que qualquer computador no mundo entende o significado de um termo, e se outros sites se conectarem com este vocabulário quando apresentarem seus dados, nossos dados salesianos serão vinculados à Web e ficaremos "visíveis" na web semântica.
    Obviamente, existem outros detalhes técnicos, mas não é hora de descrevê-los. Em vez disso, deve-se ter em mente o seguinte processo para vincular os dados:
- um quadro de referência de dados está por trás do texto, que indica as pessoas ou coisas, ou lugares, e que define as relações entre eles e as fontes de documentação.
- este é um quadro de referência que os computadores podem entender e interpretar.
- é criada uma série de pontos de conexão, conexão, descoberta e agregação, todos a favor da Congregação.
- Linked Data pega a web semântica e a converte em uma forma de colaboração através de um vocabulário compartilhado.
    E agora - nossos dados apenas pedem para serem conectados!