Conselho Recursos

Gerusalém (en)

ORIENTAÇÕES - DOCUMENTOS

 

Instituto Teológico Salesiano “Santos Pedro e Paulo”
de Jerusalém

 

Pe. Francesco CEREDA
Conselheiro geral para a Formação

Roma, 5 de fevereiro de 2005
Prot. 05/0134



Aos Senhores
INSPETORES
Em suas sedes

Objeto: Instituto Teológico Salesiano “Santos Pedro e Paulo” de Jerusalém

Caríssimo Sr. P. Inspetor,

receba junto com a minha cordial saudação também a lembrança na oração, por si e pelos irmãos da Inspetoria, neste início da nossa caminhada quaresmal. Desejo por meio destas linhas comunicar-lhe as últimas notícias a respeito da nossa Comunidade formadora e do Centro de estudos, de Jerusalém, na Terra Santa.

1. A nova sede em Jerusalém

No dia 29 de outubro de 2004, com a presença das autoridades acadêmicas, religiosas e civis, foi inaugurada a nova sede do Instituto Teológico Salesiano, que tinha precedentemente a sua sede em Cremisã. Desde setembro de 2004, a Comunidade formadora e o Centro de estudos estão em Jerusalém, no edifício chamado “Ratisbonne”, localizado na parte nova da cidade.

2. Passagem à língua inglesa

A começar de setembro de 2005, a língua do Instituto Teológico Salesiano de Jerusalém passará a ser o inglês. Alunos e professores já estão quase preparados para essa mudança. Dever-se-á usar o verão para preencher eventuais lacunas lingüísticas. Os novos estudantes para o ano 2005-2006 deverão portanto desde o início conhecer muito bem essa língua. Também a Biblioteca está sendo equipada a partir desta nova perspectiva. No currículo e durante o verão não será descurada a língua italiana, necessária para o conhecimento das fontes salesianas e para a vida da Congregação.

3. Instituto internacional

O Instituto Teológico Salesiano “Santos Pedro e Paulo” está crescendo como realidade internacional. A proposta de envio de estudantes é feita a todas as inspetorias das oito Regiões da Congregação; o primeiro elemento de internacionalidade é com efeito a presença de estudantes procedentes de todo mundo. Convido-o portanto a valorizar esta proposta formativa, intensamente desejada pelo Reitor-Mor e pelo Conselho.Geral.

4. Formadores e Docentes

Já estão em andamento algumas mudanças e o reforço da equipe dos formadores e docentes. O novo diretor será o P. Francis Preston, que acaba de encerrar o seu inspetorado na Grã-Bretanha. Também o P. Francis Gustilo, que encerra o seu tempo como Inspetor de Manila, fará parte do colégio do Corpo Docente. Tão logo se complete a composição da Equipe será comunicada. Aproveito da ocasião para fazer um agradecimento aos formadores e docentes que deram acompanhamento a esta passagem, especialmente ao diretor, P. Giuseppe Giorgis, e ao diretor-acadêmico, P. Francesco Mosetto. Agradeço igualmente, aos novos irmãos que irão se inserir na Comunidade e no Centro de estudos.

5. Estatuto do Instituto

O Instituto possui um específico Estatuto de Comunidade formadora e de Centro de estudos Internacionais, aprovado pelo Reitor-Mor no dia 10 de junho de 2004 no qual se mencionam as responsabilidades do mesmo Reitor-Mor com o Conselho Geral, da Inspetoria do Oriente Médio e da Faculdade de Teologia da Pontifícia Universidade Salesiana. Está outrossim constituído o «Curatorium» do Instituto e trabalha-se para uma renovação da Convenção com a UPS a fim de que o Centro de estudos continue com a afiliação e a colaboração da nossa Universidade.

6. Revisão do Currículo acadêmico

Muito recentemente foi aprovada também a revisão do Currículo acadêmico. Lê-se de fato na carta de aprovação enviada pelo Conselheiro para a formação: “O currículo se apresenta harmônico nas suas duas partes, coerente com as indicações da Ratio, aberto às finalidades do projeto da Congregação para este Centro de estudos. Mantém-se nele uma notável atenção às disciplinas bíblicas: exegese, teologia bíblica, línguas, história, geografia e arqueologia. Bem proporcionadas as disciplinas teológicas: sistemáticas, morais, litúrgicas, patrísticas, históricas e canônicas. Há uma nova organicidade na área da teologia espiritual, da teologia pastoral e dos estudos salesianos. Há também um reforço na área da missiologia, das religiões, do ecumenismo e do hebraísmo. Garante-se o estudo e a prática do italiano”.

7. Inscrições

Para as inscrições e outras informações basta dirigir-se ao diretor da comunidade formadora de Jerusalém, P. Giuseppe Giorgis. E’ oportuno fazer as matrículas até o dia 31 de março de 2005. O Diretor enviará a todas as Inspetorias uma ficha-módulo de inscrição. Em caso de dificuldades econômicas convém interessar-se por obter bolsas de estudo junto a organizações internacionais ou junto à solidariedade do Reitor-Mor.

Muito obrigado também pela atenção. Saúdo-o com estima e cordialidade.

Em Dom Bosco Santo,

P. FRANCESCO CEREDA