Dicastérios

Cagliero11 e intenção missionária salesiana fevereiro 2017

Cagliero11 e intenção missionária salesiana - fevereiro 2017

Intenção missionária ano 2017 | Scarica il file zip

Intencion MisioneraScarica il file zip Cagliero11 Scarica il file zip

FEVEREIRO
Intenção Missionária Salesiana
À LUZ DA INTENÇÃO DE ORAÇÃO DO SANTO PADRE

Pelos Salesianos nas Américas

Para que mantenham vivo neles o amor de Jesus pelos jovens pobres.

Eis um desafio crucial a todos os Salesianos: ter a coragem de abrir os olhos e o coração para conhecer as necessidades dos pobres, dos refugiados e dos marginalizados. Eles são fruto do nosso egoísmo. Isso nos levará também a abrir as nossas estruturas, as nossas casas e comunidades para reconhecer a pessoa de Cristo em cada um
deles.


N. 98 - Fevereiro de 2017 Boletim de Animação Missionária Salesiana Uma publicação do Setor das Missões para as Comunidades Salesianas e os Amigos das Missões salesianas R enovar a atenção à urgência de anunciar o Senhor e ocupar-se dos irmãos mais pobres: para isso serve o Dia Missionário Mundial. Também a Congregação Salesiana, desde 1988, propõe todos os anos um tema missionário específico, que quer servir de estímulo à animação missionária: é o Dia Missionário Salesiano (DMS) que, em 2017, desenvolve o tema do Primeiro Anúncio no Continente Americano. Desde hoje, por isso, estão disponíveis em rede alguns vídeos sobre experiências missionárias salesianas entre populações indígenas da América Latina.

Ao longo do sexênio 2015-2020, o tema específico do DMS é constituído pelo ‘Primeiro Anúncio’. A cada ano, porém, é examinado e proposto um foco específico: em 2016, foi a Oceânia; em 2017, é o Continente Americano.

Através dos variados materiais disponibilizados pelo Setor das Missões Salesianas, entre os quais também vídeos, é possível conhecer o trabalho realizado pelos filhos de Dom Bosco, quer entre os indígenas ianomâmis, mediante duas importantes missões da Inspetoria de Manaus, quer entre os Mixes do Estado Oaxaca, descendentes dos antigos Incas do Peru; tanto entre os Chinantecos – outro grupo indígena que vive no mesmo Estado – quanto entre os Mapuches, população indígena residente em áreas meridionais da Patagônia argentina.

Graças a Ap DMS – “expressão e motor do espírito missionário das comunidades educativo- pastorais salesianas de todo o mundo”, como explicam no Setor para as Missões Salesianas – as diversas realidades da Congregação podem ser conhecidas e concretamente ajudadas, sem ao mesmo tempo descuidar de fazer um caminho unitário para suscitar novas vocações missionárias.

Os vídeos estão disponíveis no canal YouTube de ANSChannel (http://tinyurl.com/hznpqdt); e os opúsculos e pôster em https://tinyurl.com/gkq76eu. DMS 2017: o primeiro anúncio e os povos indígenas da América O Reitor-Mor acaba de nos enviar o presente do seu apelo missionário. Já viu? E já leu? É que, enviado a todos os Salesianos do mundo, através do ‘Cagliero 11’ de janeiro passado, trazia como data o dia 8 de dezembro; e todo o boletim girava em torno desse seu chamado.

Foi uma iniciativa todo sua: o Conselheiro para as Missões acolheu-a com enorme alegria e divulgou-a com todo o entusiasmo. No início de dezembro, na Casa Geral, tomávamos o café da manhã juntos – o Reitor- Mor e eu – e ele, sem mais, me disse: “Sabia que desejo fazer um apelo missionário a todos os irmãos...?!”. Antes do almoço desse dia, o P. Ángel expediu-me um seu ‘imeil’ com o primeiro esboço repleto de fogo e clareza. De noite a carta já estava pronta para as traduções.

Creio que os dons do Espírito, nas Famílias Missionárias, com frequência nascem assim: batem mui discretamente às nossas portas... A nós a responsabilidade de “não entristecer o Espírito Santo” (Ef 4,30) ficando surdos ao seu apelo...

Você já se decidiu? P. Guillermo Basañes SDB Conselheiro para as Missões VOCÊ JÁ SE DECIDIU? As nossas preces e congratulações ao P. Alfred Maravilla, do Setor Missões e Redator-Chefe de «Cagliero 11», nomeado pelo Reitor-Mor novo Superior da Visitadoria Papua–Nova Guiné-Ilhas Salomão (PGS) Intenção Missionária Salesiana Eis um desafio crucial a todos os Salesianos: ter a coragem de abrir os olhos e o coração para conhecer as necessidades dos pobres, dos refugiados e dos marginalizados. Eles são fruto do nosso egoísmo. Isso nos levará também a abrir as nossas estruturas, as nossas casas e comunidades para reconhecer a pessoa de Cristo em cada um deles.

Testemunho de Santidade Missionária Salesiana P. Pierluigi Cameroni SDB, Postulador Geral para as Causas dos Santos O Venerável P. Francesco Convertini, salesiano (1898-1976), foi missionário de paz e reconciliação no Bengala (Índia), trabalhando sobretudo para que houvesse paz nas Famílias. Numa carta a um par de recém-casados, escreve: “O Coração de Jesus, fonte de todas as graças, lhes conceda muita saúde. Conceda Jesus aos novos esposos uma vida muito feliz, amando a Deus, amando-se entre si e ao próximo, quem quer que ele seja. A glória de uma boa família está no esquecer-se a si mesmos e num coração cheio de alegria e de amor para com os seus caros”.

S ou Salesiano de uma Inspetoria com uma grande história de trabalho missionário entre os indígenas, de modo especial, entre os Bororo.

Ao longo de minha formação religioso-salesiana, fui lendo e conhecendo algo mais, acerca dessa história. O grande testemunho de vida dos irmãos missionários foi determinante para o nascimento do meu desejo de estar com os Índios bororos. Tive, durante o noviciado, a oportunidade de visitar todas as missões indígenas da Inspetoria. Quando cheguei a Merúri foi amor à primeira vista. Um povo acolhedor, feliz, mesmo em meio a dificuldades. Todo esse clima me chamou muito a atenção. Em todos esses fatos Deus me foi confirmando no coração o sonho de ser missionário entre os Bororo, e com eles construir o Reino de Deus. Os Povos indígenas no Brasil são muito discriminados. Um grande desafio é conseguir mudar a mentalidade das pessoas, levando-as a ver no Indígena um nosso... irmão. Outro desafio é motivar os Bororo a serem protagonistas de sua história, a lutarem por seus direitos. Não deixa, porém, de ser angustiante constatar a influência negativa das estradas que atravessam o território indígena, e das cidades vizinhas, onde os jovens entram em contato com a bebida e as drogas, prejudicando a própria saúde e a paz na Comunidade. A defesa da terra, da cultura, da vida, da Fé... são outros tantos desafios ‘importantes’, que todos os dias, com a ajuda da Divina Providência, eu procuro aceitar e vencer.

Minha maior alegria é a que vem da certeza de ser continuamente amado por Aquele que um dia me chamou a ser salesiano missionário entre os Bororo: essa certeza e fé me motivam, todos os dias, a fazer o bem a estes meus irmãos. É motivo de alegria para mim estar com eles; participar dos seus valores culturais e religiosos; celebrar a Eucaristia; partilhar a Palavra de Deus; viver cada dia, colocando em prática o que escreveu Dom Bosco a Cagliero (que estava nas missões): «Façam o que puderem: Deus fará o que nós não pudermos fazer»! Queridos jovens, não tenham medo! Deus nos espera nos irmãos: sobretudo nos mais necessitados. Deus precisa apenas de uma coisa em nós: de um coração generoso. Talvez você se pergunte: «Que vou fazer eu lá no meio dos índios?». Respondo: «Não se preocupe com o que V. vai fazer! Basta que se coloque à disposição de Deus. Ele que chama é o mesmo que dá os meios necessários para realizar a missão. Nosso Pai Dom Bosco ensinava que “Deus colocou-nos no mundo para os outros”. Sejam corajosos e obedientes à voz do Bom Pastor que chama a segui-Lo mais de perto, como Missionários do Reino».

P. Andelson Dias de Oliveira Brasileiro, missionário entre os Bororo Pelos Salesianos nas Américas Para que mantenham vivo neles o amor de Jesus pelos jovens pobres. A Minha Maior Alegria É Ser Missionário entre os Bororo

INIZIO

Intenções Missionárias Salesianas
à luz das Intenções de Oração do Santo Padre para 2017


JANEIRO
POR TODOS OS SALESIANOS
Para que sejam sempre e em todos os lugares homens de Igreja e de unidade.

FEVEREIRO
PELOS SALESIANOS NAS AMÉRICAS
Para que mantenham vivo neles o amor de Jesus pelos jovens pobres.

MARÇO
PELOS SALESIANOS NO ORIENTE MÉDIO
Para que os Salesianos continuem a ser sinais de fé e esperança entre os cristãos perseguidos do Oriente Médio.

ABRIL
PELAS VOCAÇÕES SALESIANAS
Para que cada comunidade salesiana saiba irradiar a alegria do chamado.

MAIO
PELOS SALESIANOS NA ÁFRICA E MADAGASCAR
Para que saibam educar os jovens na dimensão social da caridade sendo profetas misericordiosos de justiça e paz.

JUNHO
PELOS SALESIANOS QUE TRABALHAM EM REGIÕES DE CONFLITO
Para que sejam construtores de paz mediante a arma da “educação” e do anúncio do “Príncipe da Paz”.

JULHO
PELOS SALESIANOS NA EUROPA
Para que o Projeto missionário Europa da Congregação dê fruto abundante.

AGOSTO
PELOS SALESIANOS NA OCEÂNIA
Para que compartilhem com os jovens a beleza da sua vocação.

SETEMBRO
PELA 148ª EXPEDIÇÃO MISSIONÁRIA
Para que cada Salesiano seja missionário segundo o coração de Dom Bosco.

OUTUBRO
PELOS SALESIANOS NOS CENTROS DE FORMAÇÃO PROFISSIONAL
Para que os Centros de Formação Profissional continuem a ser escolas de desenvolvimento e humanismo cristão no mundo do trabalho.

NOVEMBRO
PELOS SALESIANOS NA ÁSIA
Para que sejam artífices de comunhão na diversidade.

DEZEMBRO
PELOS SALESIANOS IDOSOS E ENFERMOS
Para que continuem a irradiar a alegria do chamado e sejam intercessores de abundantes graças de Deus para a missão salesiana.