Família Salesiana

Jornadas de Espiritualidade da Família Salesiana Boa Noite 2015_01_15

BOA NOITE
INÍCIO DOS DIAS DE F.S.


Quinta 15 de janeiro de 2015

Angel F. Artime – Rettor Maggiore zip       Scarica il file

Queridas Irmãs e Caros Irmãos, toda a nossa Família Salesiana.
Caros amigos e amigos deste pai comum que é Dom Bosco, PAI DE NOSSA FAMÍLIA SALESIANA NA IGREJA E NO MUNDO. Seja verdadeiramente bem vindo nesta sua casa, que é e quer continuar sendo um lar comum, símbolo do lugar sagrado comum que é Valdocco e especialmente a Basílica de Maria Auxiliadora, farol da Glória de Nossa Senhora.

Há algumas horas começamos este XXXIII dia de Espiritualidade da Família Salesiana. Os termos Espiritualidade e Família Salesiana são, portanto, a estrutura em que nos colocamos. Mais uma vez queremos aprofundar, nas suas diversas características, o conhecimento da espiritualidade deste belo carisma que o Espírito Santo suscitou em Dom Bosco para o bem da sua Igreja e do mundo.

É por isso que minhas palavras, nesta primeira noite, são um convite para nos concentrarmos no essencial que nos une.
Em primeiro lugar, o único centro e o único importante: O SENHOR JESUS, a quem nos aproximamos para procurar rios de água viva, como diz o Salmo. É Jesus Cristo, o Senhor, que nos faz UM, que nos chama juntamente com a força do ESPÍRITO de Deus, e que nos quer em unidade e comunhão em torno de Deus Pai. Portanto, quero que esses dias sejam uma experiência rica e profunda da fé e da presença de Deus em nosso meio.

Este mesmo Senhor nos envia como discípulos missionários entre o seu povo, na sua Igreja. E nesta Igreja a que pertencemos, nós, a Família Salesiana, queremos e devemos ser não apenas parte da Igreja de saída para encontrar aqueles que não estão entre nós, mas uma Família Salesiana que, na medida do possível, seja livre ou faça tudo libertar-se dos perigos e tentações anunciados pelo Papa Francisco: como podem ser um individualismo crescente, uma crise de identidade e perda de fervor (EG 78), uma perda de dinamismo missionário (EG81), o pragmatismo que desgasta a fé (EG83) e um pessimismo estéril (EG84).

Esta Família Salesiana não se faz, portanto, olhar para si mesma e sentir-se, sentir-se satisfeita, mas para confirmar e fortalecer-se mutuamente na Fé e responder a todos no mundo, onde quer que o Senhor nos queira, aquele que a quem o Senhor sonhava viver seguindo fielmente o seu Filho com o carisma salesiano de Dom Bosco.
E sendo hoje discípulos missionários do lugar onde o Senhor nos quis, dois eixos são fundamentais para nunca perder nosso norte. É uma combinação que, no nosso caso, anda de mãos dadas: a centralidade de Jesus em nossas vidas e nos jovens, e entre eles os mais pobres, abandonados e excluídos.

Este é o nosso roteiro para todos, queridos irmãos e irmãs, que nos garante, individualmente e como Família Salesiana, a continuação do caminho na direção certa.

Desejo-lhe todos os dias ricos onde, além de explorar o que será apresentado a nós como uma reflexão, se torne uma realidade de convivência, partilha e oração, isto é constitutivo de sermos uma família. Apenas o ESPÍRITO DA FAMÍLIA, algo que é MUITO NOSSO.

Eu gostaria que fossem dias bonitos para todos, ricos em conteúdo e experiência, e peço a especial intercessão de nossa Madre Auxiliadora, guia de toda a nossa família que já intercede no céu por nós.

Obrigado pela sua presença e porque vocês serão os oradores, voltando para casa, do que iremos compartilhar e viver, do que vimos e ouvimos.

Um grande obrigado e boa noite.