Em Foco

Focus 2009

Hamamatsu - GIA15-07-2009

Escola de apoio em Hammamatsu, Japão, para jovens

Projeto: Paróquia de HAMMAMATSU
Data: Janeiro de 2009
Lugar: Hammamatsu, Japão
Inspectoría: GIA

Escola de apoio em Hammamatsu, Japão, para jovens impossibilitados de frequentar a escola

A crise financeira que começou em 2008 teve especial impacto em Hammamatsu,  que depende de modo relevante da indústria automobilística.  Muitos operários estrangeiros perderam o trabalho.  As consequências foram: perda dos meios de subsistência; dificuldade de comprar comida; rapazes obrigados a deixar a escola, especialmente as escolas frequentadas pelos emigrados brasileiros. Fazendo parte dessa situação, a Paróquia de Hammamatsu, cuidada pelos Salesianos desde abril de 2007, seguindo o exemplo de Dom Bosco, decidiu oferecer um apoio escolar a todos esses jovens. O primeiro projeto desse gênero iniciou em fevereiro e março, para 30 rapazes.  Um segundo projeto iniciou em abril e funcionará até março de 2010.  A idade dos jovens vai dos 6 a 16 anos.  Sobre 53 alunos, 33 têm entre 10 e 16 anos.  Eles vêm à paróquia na segunda, quarta e sexta-feira.  É-lhes oferecido tudo gratuitamente: transporte, aulas, almoço, material escolar.  O Ministério nacional da instrução oferece um subsídio financeiro para os professores e para alguns assistentes.  E isso só por 60 dias. Mas o projeto dura 100 dias.  Cozinheiros, motoristas e outros serviços são oferecidos gratuitamente.  O custo global do projeto é de perto de 20 milhões de ienes.  O Ministério cobre apenas um quarto.  O resto deve ser procurado.

Algumas reflexões

1. Voltar a Dom Bosco significa voltar aos jovens.  A presença concreta desses jovens em dificuldade provocou essa volta e os Salesianos queimam na mesma chama que inflamava o nosso Fundador e os primeiros Salesianos.

2. Voltar a Dom Bosco significa voltar ao espírito do Oratório, isto é: uma casa que acolhe, uma escola que ensina, uma paróquia que evangeliza e um pátio onde se fazem amizades.  Vê-se a validade desses elementos para formar esses jovens, postos à margem do lugar em que vivem (precisam ser acolhidos); que têm o problema de não conhecer bem a língua e são inseguros quer no japonês, quer no português (precisam estudar a língua); alguns não sabem sequer fazer o sinal da cruz ou rezar as orações mais elementares (precisam de evangelização); e por causa do desemprego dos pais vivem entre tensão e estresse (precisam de espaço para brincar, pular e gritar).

3. Quando a iniciativa vem de Deus, Ele mesmo providencia as pessoas e os meios necessários.  Como filhos de Dom Bosco, rezamos que nos ensine a achar quanto for necessário e buscá-lo.  Vivemos e respiramos cada dia a Providência Divina.

4.Este projeto de apoio escolar envolve muitas pessoas, começando por aqueles que estão perto, para chegar àqueles que estão muito longe geograficamente (outras cidades e Inspetorias),  como também àqueles de crenças diferentes (cristãos, não-católicos, não-cristãos).

5. O salesiano coadjutor Beato Artêmides Zatti é o Patrono do Projeto.  Em 2007, um médico, que foi batizado em nossa Paróquia com toda a família, herdou uma clínica do tio.  Decidiu dar-lhe um novo nome.  Depois de pensar muito, não conseguia achar um nome que lhe agradasse.  Assim chamou-me, perguntnado que nome lhe pudesse dar.  O que me veio logo à mente foi o do Irmão salesiano Zatti: Bem-aventurado Artêmides Zatti.  O médico ficou feliz e deu esse nome à sua clínica.  No início deste ano me ligou dizendo que a clínica ia bem, que a sala de espera se havia transformado em lugar de acolhida e familiaridade. E que também o lucro aumentara.  Como Artêmides, tinha tido também ele problemas quando jovem, mas que, graças ao auxílio dos Salesianos, havia podido estudar e instruir-se. Assim, desejava que também os rapazes de Hammamatsu tivessem a possibilidade de continuar a sua escola.  Mandou-me uma grande soma de dinheiro.  Era exatamente quando nós Salesianos estávamos na dúvida se abríamos ou não um segundo projeto.  Esse sinal do Irmão Coadjutor ‘Bem-aventurado Artêmides Zatti’ era um sinal do céu: dissipava as nuvens que se adensavam sobre nós.


CONTATE-NOS
Indirizzo: Ebitsuka 2-2-13,
Hamamatsu Shi,
432-8033 Shizouka-ken
Japan
Tel: (053) 454-0513
E-mail: cipriani-sdb@donboscojp.org