RM Recursos

Primeiros passos para a realização do Projeto Europa

CARTA DO REITOR-MOR - PASCUAL CHÁVEZ

go to home page

Download del texto inteiro

Primeiros passos para a realização do Projeto Europa

Prot. 09/0107
Roma, 31 de Janeiro de 2009

Aos Irmãos salesianos da Congregação

Caríssimos Irmãos,

dirijo-vos primeiramente uma saudação cordial. Desejo, com esta carta, dar-vos alguma informação sobre a concretização do assim chamado "Projeto Europa", que o Papa Bento XVI em suas intervenções ao CG26 e o mesmo Capítulo, nos indicam como uma das novas fronteiras, com a finalidade de "relançar o carisma salesiano" neste continente (CG26, 108).
O Capítulo Geral XXVI pede, particularmente, que "o Reitor-Mor com seu Conselho defina a natureza e os objetivos da intervenção da Congregação em vista de uma renovada presença salesiana na Europa" (CG26, 111). A respeito disso, eu mesmo já oferecera no discurso de encerramento do CG26 alguns elementos iniciais de compreensão e orientação; em seguida, deram-se outros passos.

Em agosto passado, submeti aos Inspetores da Europa com seus Conselhos uma Sondagem sobre o Projeto Europa. Pedi-lhes para exprimirem o que pensavam sobre o Projeto, refletirem sobre o que acreditavam como importante para reavivar o testemunho e a missão salesiana no continente, enviarem a mim as suas propostas sobre as prioridades, formas de colaboração, modalidades de coordenação do Projeto. As respostas a esses quesitos resultaram interessantes e ricas; elas foram propostas num "Instrumento de trabalho" preparado por mim, que contém na primeira parte a síntese dessas respostas e, na segunda parte, os elementos fundamentais para a realização do Projeto.

Depois, nos dias 27-30 de novembro, realizou-se na Casa generalícia o Encontro dos Inspetores da Europa. Apresentei, no início do encontro, o Instrumento de trabalho. A partir desse documento os Inspetores e os Conselheiros gerais trabalharam inicialmente em grupos e, depois, por Regiões, sobre as três áreas nas quais se concentrou a atenção do Projeto: revitalização endógena da presença salesiana, realocação e redimensionamento, Europa terra de missão. Ao final, as reflexões e propostas surgidas foram entregues ao Reitor-Mor e ao Conselho geral para a elaboração do Projeto. Estabeleceu-se também nessa ocasião que os encontros dos Inspetores da Europa serão realizados a cada dois anos e se darão em novembro de 2010 e de 2012.

Criei, dias atrás, a Comissão para o Projeto Europa. Ela é formada pelos Conselheiros para a formação padre Francesco Cereda, que a coordena; pelos três Conselheiros para a missão salesiana: padre Fabio Attard, padre José Miguel Nuñez, padre Stefan Turansky; por três Inspetores europeus: padre Juan Bosco Sancho para a Região Europa Oeste, padre Stefano Martoglio para a Região Itália e Oriente Médio, padre Marek Chrzan para a Região Europa Norte. Esta Comissão tem a tarefa de individualizar os objetivos e as estratégias do Projeto Europa, defini-los em termos de resultados esperados controláveis para cada uma das três áreas, estimular e monitorar a realização do Projeto. A cada seis meses, ela se reunirá em uma Inspetoria de cada Região da Europa e, depois, referirá ao Reitor-Mor e ao Conselho Geral.

Enfim, na sessão de inverno do Conselho Geral, concluímos a Elaboração do Projeto Europa, que anexo a esta carta de apresentação. Ele certamente será de ajuda para a mentalização de toda a Congregação e favorecerá a ação convergente do Reitor-Mor e do Conselho, das Inspetorias e das Regiões da Europa, da Congregação. Elaborado o projeto, trata-se agora de atuá-lo; o caminho está traçado e será mais fácil percorrê-lo.

Iniciamos hoje o "ano de graça" no 150º aniversário de fundação da nossa Congregação. O Projeto Europa é a primeira semente do CG26, que começa a enraizar-se justamente aonde a Congregação teve origem e de onde o carisma de Dom Bosco se difundiu para o mundo todo. Com este Projeto não se deixam de lado as prioridades missionárias indicadas no sexênio passado; elas permanecem, embora a pedir-nos um olhar mais específico e mais coordenado sobre a Europa.

O Papa Bento XVI, na carta que me enviou no início do CG26, assim escrevia: "Num período em que, na Europa, diminuem as vocações e aumentam os desafios da evangelização, a Congregação salesiana deve estar atenta em revigorar a proposta cristã, a presença da Igreja e o carisma de Dom Bosco neste continente. Assim como a Europa foi generosa ao enviar numerosos missionários ao mundo inteiro, agora também toda a Congregação esteja disposta no que se lhe refere, apelando especialmente às regiões ricas de vocações" (CG26 p. 92).

É este, portanto, o tempo da generosidade missionária; apelo, pois, a todos vós, caros irmãos, também àqueles que se encontram na formação inicial, para que respondais com ousadia e entusiasmo às necessidades da evangelização, a exemplo do grande apóstolo e missionário São Paulo, de quem recordamos neste ano com toda a Igreja o bimilenário de nascimento.
Confiamos estes nossos propósitos a Maria Auxiliadora e a Dom Bosco. Eles intercedam por nós.

Cumprimento-vos cordialmente no Senhor

P. PASCUAL CHÁVEZ VILLANUEVA, SDB
Reitor-Mor