Reitor-Mor

Cari Confratelli_10, 08-2018

Cari Confratelli_10, 08-2018

 

 


Playlist: ANS Channel































QUERIDOS IRMÃOS
CAPÍTULO GERAL 28

Queridos Irmãos, uma saudação a todos vós, 
à nossa querida Família Salesiana, aos nossos queridos Jovens e
a quantos possam acompanhar-nos neste momento.
Saúdo-vos hoje, desde uma localidade especial – Guarcino – 
desde a Casa em que vivemos dias maravilhosos 
fazendo, como Conselho Geral, os Exercícios Espirituais. 
Ao findar hoje esses Exercícios, tenho a oportunidade 
de dirigir-me a todos vós para dizer-vos alguma coisa
acerca do Capítulo Geral, já anunciado com a maior das esperanças.

Já conheceis o Título desse Capítulo, o convite: 
“Que Salesianos para os Jovens de hoje?” 
E isto porque esse é, para nós,
o ponto de partida central,
para nós que somos consagrados a Deus, 
mas consagrados a Deus 
para ir ao encontro dos Jovens, 
dos meninos e  meninas do mundo:
daqueles que precisam de nós! 
E isto porque verdadeiramente cremos 
que dizer ‘Salesianos’ deva significar, para todo o mundo, 
e muito especialmente para nós: 
“aqueles que fizeram uma opção prioritária 
pelos meninos e jovens, 
especialmente pelos mais necessitados”.
Que dizer ‘Salesianos’, no mundo, 
se possam entender aqueles que optaram pelos explorados, 
pelos que não têm nada e ninguém por eles! 
- Que dizer ‘Salesianos’ signifique englobar também 
aqueles que fizeram uma opção por esses jovens, 
(jovens) que assomam quer ao mundo do trabalho, quer a uma formação profissional!
Que dizer “Salesianos” possa significar “pensar sempre
nos jovens e nos que se abrem à vida
- por vezes também ao mundo da universidade - com tanto esforço
e sem recursos, para, ao depois, dar o melhor de si! 
Esta é a esperança que levamos ao Capítulo Geral.
Ele será certamente um tempo bafejado pelo Espírito do Senhor, 
que nos há de ajudar a ser verdadeiramente  Salesianos de Dom Bosco
e totalmente para os jovens que – hoje – precisam de nós.

No Centro, os Jovens, os nossos meninos e meninas! 
Vamos ao seu encontro ‘como consagrados salesianos que vivem em comunidade’: como Comunidade Salesiana.
Entretanto, qual ‘o modelo’ de tal salesiano? 
É que não pode haver vários modelos... e
o salesiano se encarna em cada um de nós! 
É que o salesiano sonhado por Dom Bosco è:
- o salesiano que leva os jovens em seu coração, 
esteja ele na enfermaria ou no pátio, na escola ou na universidade... 
- o salesiano que afetiva e efetivamente 
anseia por estar no meio dos jovens... 
- o salesiano que deseja estar sempre pronto 
para acolher os jovens, os meninos...
- o salesiano capaz de ouvir e servir 
e realmente capaz de viver para os jovens... 
- o salesiano capaz de acompanhar 
aquele rapaz ou jovem que está à procura de alguma coisa. 
É realmente essa a GRANDE PERGUNTA que faremos – e nos faremos – no Capítulo. 
É por isso que nutrimos uma grande esperança.
É por  isso que nos há de fazer muito bem.

E não nos sentiremos sós. 
Para esta missão, para esta tarefa, 
contamos – através do mundo salesiano – com tantíssimos Leigos e Leigas 
que compartilham conosco quer a paixão educativa,
quer a missão salesiana e o carisma de Dom Bosco. 
E embora nos deparemos por vezes com não poucas resistências, 
este Capítulo Geral será mais uma oportunidade
para crescer mais, para avançar mais!

Termino lançando-vos dois desafios: 
o primeiro é o de sondar, pelo mundo a fora, 
com os nossos jovens: «O que pensam eles de nós? 
De que salesiano precisam eles?
E como podem ajudar-nos a ser 
realmente aqueles salesianos que Deus lhes há de mandar hoje?». 
Há que perguntar isso a eles!
O segundo desafio é este: 
não podemos deixar de sonhar! 
Somos filhos de um grande sonhador. 
Por isso, este Capítulo Geral será uma excelente oportunidade para
«sonhar-nos» cada vez mais fiéis ao Espírito; 
mais fiéis a ‘como Dom Bosco nos sonhou’ 
e mais fiéis a estes jovens, meninos e 
pobres do mundo, que esperam por nós. 
É por isso que a esperança é muito grande
e será uma esplêndida oportunidade 
para todos nós, como Congregação; 
também para oferecer algo de magnífico à nossa querida Família Salesiana.
Até já, Caríssimos!